A Estratégia é Tudo

Era uma vez um senhor vivia sozinho numa cidade do interior, ele gostava de plantar legumas na sua horta e muitas flores nos seu jardim.

O tempo passava e ele foi ficando velho, e certo dia ele resolveu que queria queria virar a terra do seu jardim para plantar flores, mas era um trabalho muito pesado para a idade dele.

Ele tinha um filho, era seu único filho, que sempre o ajudava nesta tarefa, mas desta vez ele não ia poder ajudar porque estava na prisão.

Mesmo assim, na tentativa de encontrar uma solução, o homem então escreveu a seguinte carta ao filho:

Querido Filho, estou triste, pois não vou poder plantar novas flores no meu jardim este ano.

Fico muito triste em não poder fazê-lo, porque sua mãe sempre adorava as flores, e esta é a época do plantio, mas eu estou velho demais para cavar a terra.

Se você estivesse aqui, eu não teria esse problema, mas sei que você não pode me ajudar, pois estás aí na prisão.

Com muito amor, seu pai.

Poucos dias depois, o pai recebeu o seguinte telegrama:

PELO AMOR DE DEUS pai, não escave o jardim, pois foi nele que eu escondi os corpos.

Às quatro da manhã do dia seguinte, uma dúzia de policiais apareceram, e cavaram o jardim inteiro, sem encontrar nenhum corpo, desistiram.

Muito confuso, o velho escreveu uma nova carta para o filho contando o que tinha acontecido.

Esta foi a resposta: Pode plantar seu jardim agora, pai, isso é o máximo que eu posso fazer neste momento.

Moral da história: estratégia é tudo, e o preso sabia que as correspondências eram monitoradas na prisão, mas se fez de tolo.

Nada como uma boa estratégia para conseguir coisas que parecem impossíveis.

É importante repensar sobre as pequenas coisas que muitas vezes nós mesmos colocamos como obstáculos em nossas vidas.

Ter problemas na vida é inevitável, ser derrotado por eles é uma opção.