As Multas Bobinhas

Existem atitudes que condutores não podem fazer, e não resolve nada questionar os motivos que levaram a proibição, se não pode é porque estudos ou a prática comprovaram que tal atitude oferece riscos.

Assim como em tudo na vida, no trânsito não é diferente, existem responsabilidades e penalidades, e nem mesmo aquele condutor com 30 anos de CNH pode ser multado e não entender ou desconhecer que determinada ação pode terminar em multa de trânsito.

O CNT abrange todo tipo de infração, até aquelas que são as mais improváveis, algumas das quais muitos motoristas até duvidam que existam.

Entre multas por alta velocidade e desrespeito ao farol vermelho, os guardas brasileiros também multam por penalidades mais desconhecidas, como motoristas que andam com o braço para fora do veículo ou, então, àqueles que por descuido acabam parados na estrada por falta de combustível .

É bom conhecer algumas das infrações que poucos esperam que se transformem em multas.

O banho no ponto de ônibus é uma cena comum e conhecida em dias de chuva, poças de água se formam e os veículos acabam passando por cima delas e arremessando o líquido para todos os lados, o problema é que o líquido acaba atingindo outros veículos e, principalmente, pedestres.

Essa ação, mesmo que sem intenção, é considerada uma infração leve que desconta 4 pontos na CNH e custa ao condutor R$ 80,00, a mesma regra vale para o caso de arremesso de detritos.

É coisa comum quando o (maldito) cigarro termina e o relaxado joga a “xepa” para fora do veículo, bem parecido com quando acaba de colocar um chiclete na boca e joga a embalagem para o lado de fora do carro.

Para que mesmo que existe aquele cinzeiro dentro do carro? Fique sabendo que se um oficial de trânsito flagrar jogando lixo ou objetos para fora do veículo em movimento, a multa é R$ 80,00 e 4 pontos a menos na CNH, a infração é a mesma se houver derramamento de líquidos pela janela.

Se o veículo ficar parado na via por falta de combustível, também está entre as infrações do Código de Trânsito Brasileiro, fazer manutenção preventiva e abastecer o carro são cuidados que todo motorista deve ter, quem for pego com pane seca é multado em R$ 80,00, é uma multa leve, mas é uma multa.

Nas grandes cidades é comum que motoristas entrem no vácuo deixado por um veículo de emergência no trânsito, a desculpa de ganhar tempo pode custar R$120,00 e 5 pontos na CNH.

Essa é uma prática perigosa porque é preciso andar em alta velocidade em pequenos espaços, é uma prática proibida segundo o nosso código de trânsito.

Viaturas de polícia, ambulâncias, carros de bombeiros e carros da CET são alguns dos chamados veículos de emergência com permissão para usar sirene.

Se alguém consegue dirigir na chuva sem precisar acionar os limpadores do para-brisa, saiba que esse alguém é um privilegiado, mas também pode ser considerado um fora-da-lei.

Dirigir sem os limpadores do para-brisa é uma prática considerada perigosa pelo Contran, é uma infração grave e gera multa de R$ 120,00.

Dispositivos que detectam radar também são proibidos pelo código nacional de trânsito, além de ser considerada uma infração gravíssima, são 7 pontos na CNH e multa de R$ 180,00 e o motorista tem seu veículo apreendido pelo órgão fiscalizador.

A utilização desse tipo de recurso inibe a ação de máquinas de fiscalização que captam os veículos por meio de ondas de radar, no Brasil, a maioria dos equipamentos usados atualmente funciona com fotocélula.

Mas os dispositivos do tipo alerta-radar, que são comuns em sistemas de navegação GPS são permitidos.

Dirigir falando ao celular é uma infração que todos conhecem e temem, mas quem pensa que apelar para fones de ouvido é uma solução se engana, a prática também é proibida por lei, seja para fins de telefonia ou para escutar música, a penalidade é uma multa de R$ 80,00.

Usar a buzina prolongada e sucessivamente a qualquer pretexto é uma infração leve que desconta 3 pontos da carteira de motorista.

Buzinar por outros motivos que não sejam para alertar quem está ao redor também é passível de multa leve, as duas infrações custam ao condutor que for autuado R$ 50,00 cada.

Não acionar as setas direcionais antes de mudar a trajetória do carro, por mais que seja uma ação comum no trânsito para motoristas distraídos, não só é proibido como também é uma infração grave que desconta 5 pontos da carteira de motorista.

O código de trânsito também especifica que o motorista deve indicar com antecedência, mediante gesto regulamentar de braço ou luz indicadora de direção, o início da marcha e a realização de uma manobra de estacionamento.

Dirigir com o braço para fora do veículo pode até ser agradável em dias quentes, mas é uma situação que coloca a integridade física do motorista em sérios riscos em casos de colisões.

Para inibir essa ação, motoristas que forem flagrados dirigindo nessa condição levarão uma multa média de 4 pontos e multa de R$ 80,00.

Essas são só algumas infrações e penalidades, se aguçou a curiosidade pesquise sobre o assunto, e verá que cometemos muitas infrações por desconhecimento, o que não é desculpa nenhuma, temos que saber tudo para respeitar todos.