Entrevistas e as Falhas

Apenas a entrevista não pode, e não deve ser adotada como maneira de avaliar a adequação de um candidato para uma função específica.

A verdade é que nas mãos de uma pessoa que não possua as habilidades necessárias para encaminhar uma entrevista de maneira eficaz, a entrevista poderá até ter valor no momento da escolha do candidato, mas não irá colaborar para a escolha certa do candidato, sendo melhor que seja descartada.

Mesmo assim, a entrevista é de longe o método mais utilizado, o motivo é que as grandes maiorias dos gerentes adotam os resultados da entrevista como prova de competência.

Eu mesmo fui reprovado em entrevista, naquele momento fiquei frustrado, mas logo em seguida levantei a cabeça e segui meu caminho, mas diante do resultado, posso dizer com absoluta certeza que a entrevista pode mostrar falhas de interpretação, por isso, para escrever este texto tomei como base a entrevista a qual fui submetido e reprovado, oras, se sei escrever a respeito é porque sei fazer aquilo que descrevo como se faz, imagine que a entrevista era para testar a minha capacidade como técnico em informática.

Não estou questionando o resultado, sei da minha capacidade, mas é justamente isso que falta aos entrevistadores que agem da forma que o meu entrevistador agiu, por isso vou sugerir algumas providências, e assim quem sabe obterão melhores resultados quando for preciso fazer uma entrevista.

Uma entrevista deve ser utilizada apenas como parte de um processo de seleção, obviamente que deve ser elaborada com a finalidade de orientar na análise do candidato que pleiteia o cargo.

Planejá-la e organizá-la de forma que o entrevistador e as demais pessoas envolvidas passem as informações desejadas sem que sejam constrangidas.

O entrevistador deve usar suas próprias habilidades pessoais, interpessoais e analíticas para se certificar de que seus objetivos serão alcançados.

Agindo assim, não existirão perdedores e nem injustiçados, o entrevistador fará a sua escolha do candidato com base nas informações obtidas do candidato, mas o resultado da entrevista não deve ter o peso total na hora da decisão, afinal, o candidato pode até se expressar muito mal, mas pode ser um excelente profissional da área almejada, outro ponto a ser considerado é a mistura de opiniões pessoais com opiniões do candidato, gosto por time de futebol, praticante de tal religião, e principalmente racismo.