Estrutura das Colméias

Com capacidade para abrigar uma população de até dezenas de milhares de indivíduos, a colméia compõe-se de uma série de favos dispostos paralelamente.

O favo é um conjunto de alvéolos, compartimentos hexagonais que as operárias fazem com cera, onde a rainha deposita os ovos e onde são armazenados os alimentos (água, mel e pólen).

Os alvéolos menores destinam-se ao desenvolvimento das operárias, e os maiores, ao dos zangões, uma colméia pode se dividir em várias, por um processo chamado enxameação.

Não havendo mais espaço para postura e armazenamento de alimento, é produzida uma nova rainha, e sua antecessora voa com grande parte das abelhas para formar uma nova comunidade.