A Fiat no Brasil (1992)

A marca Fiat foi lançada no Brasil em 1984, o Fiat era o novo modelo que inaugurava no Brasil um conceito inédito de carro.

Foi em 1992 que o Fiat Uno ganhou a sua primeira versão 4 portas, e foi nessa época em que iniciou a opularização do uno no Brasil.

Entre 1992 e 1993 os carros fiat recebiam a injeção eletrônica denominada 1,5IE, essa injeção eletrônica era mais econômica e menos poluente, mas os motores 1,0 com injeção eletrônica do tipo mono-ponto só foi implantada em 1995.

Ainda em 1993, a versão 1,6R passou a receber a injeção eletrônica bosh analógica em substituição ao antigo carburador, melhorando o desempenho do carro, a versão recebeu o nome de 1,6R MPI e em 1996 foi implantada injeção eletrônica digital e passou a se chamar apenas 1,6 MPI.

Em 1994 a Fiat lança no mercado brasileiro o primeiro carro nacional com motor turbinado de série com 116 cavalos de potência, o Uno Turbo combina motor 1,4 italiano com layout exclusivo para o Brasil, os para-choques, a saia e as molduras de para-lamas exclusivos, e rodas de liga-leve aro 14, esse modelo foi produzido até 1996 e até hoje é sucesso e são poucos os que não querem um desses.

Em 2001 surge o motor FIRE 1,0 a gasolina, com potência de 55 cavalos e com destaque para a economia de combustível e ótimo torque em baixas rotações.

Em 2005 o motor FIRE 1,0 passou por alterações e ganhou uma versão bicombustível, com mais 11 cavalos, recebeu o nome de Mille Fire Flex, tem com 66 cavalos de potência a álcool e 65 cavalos a gasolina.

Em 2004 a carroceria do Fiat Uno foi remodelada, ganhou nova frente e nova traseira e foi eliminado o vinco lateral que existia nos modelos 4 portas.

Em 2006 a Fiat disponibiliza aos compradores do Mille Fire Flex o kit Way, composto de amortecedores de curso mais longo, 4 centímetros a mais de altura livre em relação ao solo, molduras de pára-lamas exclusivas e soleiras e caixas de roda pintadas em preto fosco.

Em agosto de 2008 a Fiat surpreende o mercado e lança uma versão ainda mais econômica do Fiat Uno, já como modelo 2009, denominada Mille Economy, com a mesma potência da versão anterior, porém com pequenos acertos que o tornaram 10% mais econômico.

Nos últimos anos, incluindo 2009, o Fiat Uno figura entre os 5 líderes em vendas no país, chegando por várias vezes a ocupar a terceira posição, um sucesso do mercado automobilístico nacional há mais de 20 anos.