Galo Cozido ao Vinho

Como surgiu o Coq Au Vin, que na verdade é galo cozido no vinho.

Estrela da cozinha francesa, esse clássico surgiu nas imediações da cidade de Clermond-Ferrand, na região rural de Auvergne.

Segundo a lenda, durante a batalha entre os homens de Vercingertórix, líder dos celtas, e o exército romano de Júlio César, entre 58 e 51 antes de Cristo, o herói francês acabou sendo acuado no desfiladeiro de Puy-de-Dôme.

Para simbolizar sua rendição, Vercingertórix enviou um galo de briga a César, daí resultando em um convite para jantarem juntos, quer saber qual foi o cardápio? Galo cozido no vinho produzido em Auvergne.

INGREDIENTES:

1 frango cortado em pedaços.

1 garrafa de vinho tinto seco.

1 cenoura grande cortada em rodelas finas.

1 cebola grande cortada em rodelas grossas.

2 dentes de alho picados.

2 colheres de sopa de salsa picada.

12 champignons frescos.

100 gramas de bacon frito cortado em cubinhos.

½ xícara de café de conhaque.

1 colher de sopa de farinha de trigo.

Sal e pimenta do reino a gosto.

Óleo de soja para fritar.

MODO DE FAZER:

Em uma travessa ponha o frango, a cebola, a cenoura, o alho, a salsa, sal e pimenta.

Acrescente o vinho e deixe marinando por uma noite.

No dia seguinte retire os pedaços de frango e reserve o molho.

Frite o frango em óleo de soja bem quente e escorra em papel toalha.

Coloque os pedaços em uma panela, regue com o conhaque e flambe-os até a chama se apagar sozinha.

Pulverize com a farinha de trigo e coloque o molho reservado.

Tampe a panela e leve ao fogo brando por 15 minutos.

Acrescente os champignons, o bacon e deixe por mais 5 minutos.