Minha Definição de Amor

Quando duas pessoas de sexo oposto se conhecem e se dão bem e combinam em muitas coisas é bem possível que venha a acontecer um relacionamento amoroso.

O amor para muitos é um sentimento profundo e inigualável, também é visto sob duas óticas diferentes, o homem tem uma visão e a mulher tem outra visão.

Mas se o casal perder o respeito, a vida conjugal perde o brilho, e a relação torna-se um peso insuportável, acho que comparar um relacionamento com uma viagem faz sentido, e se o casamento é uma viagem, ninguém gosta de viajar ao lado de alguém que não sabe respeitar.

Não sigo nenhuma religião, mas na Bíblia tem um trecho que é ignorado ou esquecido, mas é muito importante em vários aspectos, o trecho é o seguinte: “um homem deve amar a sua esposa como parte de si próprio; e a esposa deve cuidar de respeitar profundamente o marido”.

Não me critiquem por escrever exatamente o que sinto, mas o amor para mim é um pouco mais que uma amizade sincera de verdade, e pelo fato dos amigos serem de sexo oposto acaba por surgir a atração e o desejo sexual.

Dependendo do interesse real e momentâneo de ambas as partes, pode ficar apenas numa amizade sincera e duradoura, também pode surgir o casamento ou a união estável, aliás, a união estável está mais na moda hoje em dia, também é comum o casal curtir o final de semana juntos e depois cada um vai para sua casa, é o mundo moderno.

Talvez um relacionamento assim seja até mais duradouro, porque a convivência e a descoberta de defeitos dos parceiros causa mais impacto do que descobrir as virtudes, aliás, depois de certo tempo de convivência não existem mais virtudes a serem descobertas, apenas os defeitos que antes eram ignorados passam a ser problemas.

Quando se perde o respeito acabam prevalecendo os interesses e então tudo passa a ser motivo de divergência no lar, até a preferência em assistir um determinado programa de televisão pode ser motivo de discussão, e então aparecem aquelas famosas frases: “essa TV é minha, lembras que me desse de presente?” É preciso que a outra parte tenha bom senso e paciência, porque quando um casal chega a um ponto desses é porque acabou o respeito, e nem aquele acordo feito quando os dois resolveram morar juntos serve como referência para mediação, e se pelo menos uma das partes não usar a inteligência começa a gritaria.

A palavra respeito significa apreço, consideração, acatamento, deferência, obediência, submissão, referência, relação, medo e temor.

Daí aparecem aqueles que querem descobrir aquilo que já está mais do que evidente, mas mesmo assim perguntam: “por que as pessoas costumam ferir aquelas que mais amam?“ Quem ama não fere, se está ferindo é porque não ama, não quer bem e não respeita, a pergunta acima é totalmente descabida e a resposta não precisa da pergunta por que está nas atitudes.

Defino amor como respeito, porque, em síntese, amar é respeitar em todos os aspectos.