O Ciclo do Carbono

O carbono existe na hidrosfera e atmosfera sob a forma de dióxido de carbono, a reserva mundial é constituída pelo gás carbônico do ar e das águas, alimentada pela respiração animal, as fermentações, as combustões industriais, as emanações vulcânicas, e explorada pela atividade das plantas verdes em contato com a luz.

O gás carbônico é absorvido pelas plantas clorofiladas e bactérias quimiossintetizantes e é utilizado para a formação de compostos orgânicos carbonados (amido e celulose), parte do gás carbônico volta diretamente para a atmosfera através da respiração das plantas.

As plantas são ingeridas pelos animais, e da combustão destes alimentos no organismo dos animais o gás carbônico volta à atmosfera ou, por morte dos animais, o gás carbônico vai fazer parte dos detritos orgânicos que, por combustão, liberam o gás que vai à atmosfera.

Da mesma forma por morte dos vegetais clorofilados e das bactérias formam-se detritos vegetais que, por combustão devolvem o dióxido de carbono para a atmosfera.

Mas, uma parte escapa do ciclo dando sedimentos e finalmente rochas calcárias, a parte que escapa é em torno de 12% do peso do carbono.