Oração de Joe Wright

Quando se pediu ao reverendo Joe Wright que fizesse a oração de abertura no Senado de Kansas, todos esperavam  uma oração ordinária, mas isto foi o que todo escutaram:

Senhor, viemos diante de Ti neste dia, para Te pedir  perdão, e para pedir a tua direção.

Sabemos que a tua Palavra disse: Maldição àqueles que  chamam bem ao que está mal, e é exatamente isso o que temos feito.

Temos perdido o equilíbrio espiritual, e temos mudado nossos valores.

Temos explorado o pobre, e temos chamado a isso sorte.

Temos recompensado a preguiça, e chamamos isso de Ajuda Social.

Temos matado nossos filhos que ainda nem nasceram, e chamamos isso de a livre escolha.

Temos abatido nossos condenados, e disemos que isso é justiça.

Temos sido negligentes ao disciplinar nossos filhos, e dizemos que isso é desenvolver a sua auto-estima.

Temos abusado do poder, e dizemos que isso é Política.

Temos cobiçado os bens do no sso vizinho, e a isso temos dito que é ter ambição.

Temos contaminado as ondas de rádio e televisão com muita grosseria, e muta pornografia, e chamamos isso de liberdade de expressão.

Temos ridicularizado os valores establecidos há muito tempo por nossos ancestrais, e a isto chamamos de obsoleto e passado.

Oh Deus, olha no profundo dos nossos corações, purifíca-nos, e livra-nos dos nossos pecados.

Amém.

Joe Wright fez esta oração na abertura do Senado de Kansas, o óbvio aconteceu, a reação foi imediata.

Um parlamentar abandonou a sala durante a oração, deve ter sido por vergonha, outra explicação seria, no mínimo, um desastre.

Três outros criticaram a oração do Padre, classificando a oração como uma mensagem de intolerância.

Acho que aqui no Brasil estamos precisando de alguém com coragem, e faça essa mesma oração, talvez no Senado Federal e na Câmara de deputados, se alguém me convidar, eu aceito.