Registros da Mente

Se as pessoas tivessem a capacidade de sintetizar tudo o que ocorre na mente de uma pessoa, certamente que poderíamos utilizar a seguinte frase: O cérebro constrói o mundo de acordo com os interesses de cada pessoa.

De maneira genérica, podemos dizer que a mente humana é composta de dois tipos básicos de memória, e é por isso que é possível dominar grande quantidade de informação.

Dos dois tipos de memória, um deles é a memória ativa, que também é chamada de memória imediata, a outra memória é a memória de longo prazo, que também é chamada de memória remota.

Descrever como funciona uma memória de computador ou outro dispositivo é relativamente fácil, mas descrever o funcionamento da memória humana é bem mais complexo, em todo caso, vou tentar passar o que sei de maneira simples, e espero que seja de fácil compreensão:

Barry Gordon diz que o que consideramos memória são padrões de conexão entre células nervosas.

Deixa esclarecer de onde vem esta informação: Barry Gordon é Chefe da Clínica de Desordens da Memória da Escola de Medicina John Hopkins.

Voltando ao funcionamento da memória, certamente que existe a curiosidade em saber o que deve ser feito para conseguir que a memória faça um registro que tenha longa duração.

O hipocampo é uma pequena estrutura bipartida localizada no centro do cérebro, e é ele quem autoriza os registros das informações que ficarão por longos tempos gravados.

As pesquisas indicam que duas situações tem influência na decisão do hipocampo:.

· A informação será selecionada para ter registro longo se tiver significado emocional, ou melhor, terá mais possibilidade de ser registrada quanto maior o significado emocional da informação.

· A informação terá maior probabilidade de ser registrada se tiver correlação com alguma coisa que já sabemos.

A partir de tudo que falamos e escutamos, podemos afirmar que o cérebro armazena apenas a informação necessária, armazena o tipo de informação que atende ao interesse do indivíduo, em resumo, o a informação que vai ser usada, isso porque o cérebro tem como função tornar o mundo do indivíduo gerenciável.

A tendência do cérebro é se livrar do refugo da vida cotidiana, do lixo cerebral, focalizando essencialmente aquilo que lhe interessa, por isso boa parte das informações que o cérebro registra são logo esquecidas.