Sofre Com a Calvície?

Apesar de estar associada ao envelhecimento, a calvície não atinge todas as pessoas, o motivo está nas células-tronco dos folículos capilares.

Sabem aquela velha frase “é dos carecas que elas gostam mais”?, para muitos é só uma forma de amenizar o problema da falta de cabelo.

Ser careca ou ter pouco cabelo é igual a ter apelido, tem aqueles que não se incomodam, tem aqueles que gostam e tem aqueles que disfarçam, também existem aqueles que nunca tiveram ou terão o problema da calvície.

A calvície está associada a ideia do envelhecimento, quando os cabelos começam a cair é um aviso que estamos ficando velhos.

Mas a ciência parece ter encontrado uma resposta que até bem pouco tempo era desconhecida, e pela primeira vez foi compreendido o mecanismo que desencadeia a calvície, desencadeado pelo envelhecimento, e que torna o cabelo mais fino, até que ele caia.

De acordo com um estudo de cientistas japoneses, publicado na revista Science, a origem do problema está nas células-tronco dos folículos capilares.

Com o passar do tempo as células-tronco vão sofrendo transformações, até que os folículos capilares encolhem e desaparecem, mas as células, em vez de desaparecerem, transformam-se em pele.

As células-tronco dos folículos capilares têm uma característica interessante: ao contrário das outras células-tronco, as capilares atravessam ciclos, até que deixam de cumprir o seu papel que é produzir o cabelo, e assim surge a calvície.

Emi Nishimura é cientista da Faculdade de Medicina da Universidade de Tóquio, no Japão, foi líder da equipe que descobriu a origem deste processo.

A equipe de cientistas fez um estudo que permitiu descobrir que células danificadas pela idade causam a destruição da proteína colágena 17A1, e a destruição da proteína transforma as células em queratinócitos, que predominam na pele.

Os cientistas analisaram o comportamento em ratos de laboratório e em humanos, com idades entre 22 e 70 anos, e descobriram que em pessoas com mais de 55 anos tinham menos folículos capilares e menos colagênio 17A1.

A descoberta científica da associação entre perda de cabelo em humanos e o envelhecimento foi apenas o primeiro passo, os passos seguintes deste estudo japonês são o de criar mecanismos que revertam este processo com a finalidade de tratar a calvície.